Para mudar o mundo é preciso mudar a si mesmo.
Projeto Saber e Mudar
Aos poucos e sempre.
Evolução
Não há progresso sem mudança e quem não consegue mudar a si mesmo, acaba não mudando coisa alguma. - George Bernard Shaw
Transformação
Senhor, reforma o teu mundo, começando por mim! - Antiga oração chinesa
Mudança
Você precisa ser a mudança que você quer ver no mundo. - Mahatma Gandhi
Sabedoria
Ninguém é bom por acaso; a virtude precisa ser aprendida. - Sêneca
Vida
Viver é mudar e ser perfeito é ter mudado muitas vezes. - John Henry Newman
Interação
A tua mudança acarretará mudanças à tua volta - eis a tua maneira de mudar o mundo. - Carlos A. Baccelli, pelo Espírito Irmão José

Texto de hoje

terça-feira, 2 de março de 2021:

 

 

LUTAS E DIFICULDADES NAS TAREFAS MEDIÚNICAS  

   

 

(...)

Nestes dias, em que vou marchando menos forte, ela [Maria Xavier, sua irmã recentemente desencarnada] tem vindo ver-me. Você sabe: nos tempos últimos, ou estou com muita gente ou sozinho. E nesses momentos, em que me vejo a sós com o trabalho espiritual e com a prece, eis que ela me concede alguns minutos, poucos minutos, de silêncio ou de palavras reconfortantes. Ora triste, ora nos mostrando encorajamento. Como no começo de nossas tarefas mediúnicas, ela me reanima e me fortalece, deixando-me sempre melhor e mais confiante no amanhã. Numa noite dessas, ela me disse: “Chico, se eu soubesse que você lutava tanto para sobreviver na mediunidade, eu teria vindo ver você muitas vezes, antes do retorno à vida espiritual...”

Mas eu procurei tranquilizá-la, aliás, reconhecendo que sempre foi assim, afirmando-lhe que, em espírito, eu sabia que ela não me havia deixado a sós, que orava por mim, que vinha me ver nas horas do desprendimento pelo sono físico e que me acompanhava em todos os meus dias mais difíceis. E, como sempre, pedi a ela me estendesse, por bondade e socorro, as suas mãos de irmã que tantas vezes me ampararam e auxiliaram, para que eu continue cumprindo menos mal os meus deveres, até o remate das tarefas.

 

Chico Xavier

Carta para a sobrinha Sidália Xavier Silva

Uberaba (MG), 18 de março de 1981

 

Livro: Chico Xavier: Do Calvário à Redenção – Combatentes Pacíficos

(Contribuição à Biografia Sobre a Família de Francisco Cândido Xavier)

Carlos Alberto Braga Costa

Editora EME 

 

Veja todos os anteriores:
Arquivo Completo
 
 

 

Há exatos 10 anos

2 de março de 2011:

 
 

SABER E FAZER

  

         

      Quase todos sabem, poucos fazem.

 

Livro:  Caminho, Verdade e Vida

 Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Emmanuel

 FEB – Federação Espírita Brasileira


 
Siga-nos nas redes sociais:
 

 
 

 

 

Atualizações recentes:

 
 
VÍDEO DA SEMANA
 
Entender as Adulterações das
Obras de Chico Xavier 
 
Série 
Rumos do Movimento Espírita
 
Inscreva-se no canal, curta e compartilhe! 
 
AS ADULTERAÇÕES DAS OBRAS DE
CHICO XAVIER PELA FEB - FEDERAÇÃO
ESPÍRITA BRASILEIRA
 
Arquivo Especial 
 
Clique 
 
 
 
 
 
 
ORVALHO DE LUZ 
 
Atendimento Espiritual Para a Saúde 
 
Clique 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Trechos de:
  O LIVRO DOS ESPÍRITOS
  Clique
 
  OBRAS PÓSTUMAS
  Clique
 
  A GÊNESE, OS MILAGRES E AS PREDIÇÕES
  SEGUNDO O ESPIRITISMO
  Clique
 
 
 
  O LEGADO DE ALLAN KARDEC
  Clique
 
 
Lançada a Obra nº 213 de Carlos Baccelli!
 
Veja aqui a RELAÇÃO COMPLETA
Clique
 
 
Trechos dos livros:
 
ALLAN KARDEC-CHICO XAVIER: IDENTIDADE
 
Clique
E MISSÃO 
 
 
MEU FILHO NASCEU NO ALÉM
Clique 
 
 
 
 
 
 

 
 
Trechos dos livros:
 
CHICO XAVIER, O AMIGO DOS ANIMAIS
Clique  
 
 
CHICO XAVIER, O APÓSTOLO DA FÉ
Clique  
 
 
 
 
 
ILUMINURAS 
Clique   
 
RETRATOS DA VIDA
Clique
 
 
 
Grandes Temas:
 
RELIGIÕES E VERDADE
Clique 
 
VELHICE
Clique 
 
POMADA VOVÔ PEDRO 
Clique 
 
SAÚDE 
Clique 
 
 
 
 
REFLEXÕES sobre saber, mudar e divulgar
Clique
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
      Provérbio chinês
 
 
DEPOIMENTOS
 
Introdução
Clique 
 
Por Ano
Clique 
 
Destaques
Clique 
 
Personalidades 
Clique 
 
 
 
 
 
 
 
      Novo banner!
Busque no site
Nos textos diários     No site inteiro
BUSCAR
Projeto Saber e Mudar
PARA MUDAR O MUNDO É PRECISO MUDAR A SI MESMO. AOS POUCOS E SEMPRE.